30 outubro, 2012

O BPI aguenta-se com menos clientes? Ai aguenta, aguenta...

Olha-me que porra, um banqueiro a dizer-me que eu tenho de aguentar mais austeridade. Tenho? Porquê?

Será porque andei a lavar dinheiro no BPN? Porque arranjei tachos aos meus amigos todos? Porque desperdicei fundos europeus? Porque fui incompetente? Porque fiz contratos desvantajosos para o Estado para beneficiar uma empresa para onde um dia irei depois de deixar um cargo público? Porque me aproveitei de um cargo público onde deveria servir o país para me servir a mim mesma?

Se eu não fiz nada disto, mas há quem tenha feito e ainda continue em altos cargos, porque é que, enquanto pobre coitada que não tenho como fugir aos impostos, como uns e outros, tenho de aguentar mais seja o que for? Porque é que tenho de servir de cobaia de um modelo idiota que só tem falhado desde que começou a existir nos anos 80?

Mas porque é que estes porcos não ficam caladinhos e usufruem em silêncio da sua riqueza? Porque é que não têm sensibilidade para evitar dizer a quem já pouco tem que o país aguenta mais austeridade porque "tem de ser, não há alternativa?" Mas se não há alternativa para que é que existe democracia? Se o mundo tivesse dado ouvidos a estes porcos privilegiados que adoram dizer-nos que não há alternativa, ainda havia hoje escravatura, trabalho infantil, trabalhadores sem direitos e uma porrada de merdas que, certamente, não foram abolidas graças aos Fernandos Ulrich desta vida.

Já agora, eu também tenho bitaites para mandar ao mundo: Quem acha que já não aguenta mais austeridade, que tal tirar o dinheiro do BPI e colocá-lo noutro banco? Tenho a certeza que o BPI aguenta isto e muito mais.

3 comentários:

joaquim silva disse...

muito bem

Catsone disse...

Ulrich, esse tão típico nome português.

Como não tenho conta nesse banco não te faço a vontade. Fica a promessa de não ficar tentado em lá enfiar meu dinheirinho, ok? (embora pense que algum vá para lá de qq forma! humpf!!!)

Sara non c'e disse...

Dizem-me que o meu post foi lido na SIC Notícias. O jornalismo está mesmo pela hora da morte quando um pasquim como este tem direito a tempo de antena ^^