20 junho, 2012

A EMEL quer, o vereador sonha, a multa nasce

Quando ontem li a notícia de que a EMEL (e alguns vereadores da Câmara Municipal de Lisboa) tinham sido condenados pelo Tribunal de Contas a pagar uma multa, não pude evitar soltar uma gargalhada. E mais outra quando a seguir percebi que estas personagens iam contestar a multa em tribunal.

Parece que a EMEL andou a fazer fiscalizações onde não lhe competia para ganhar mais uns trocos. Mas a EMEL gosta mais de passar multas a tudo o que mexe, gosta que elas sejam pagas, mas depois leva a mal quando a multam a ela.

Tramado, não é, meus pequenos nazis do estacionamento?

2 comentários:

Navajovsky disse...

ahahaha

Queremos Estacionar disse...

denuncia por favor, precisamos da tua "voz"
Precisamos de ajuda de tod@s para conseguirmos fazer frente à EMEL na Cidade Universitária (parque de Estacionamento e parquímetros de toda a Cidade Universitária). É um roubo o que fazem diariamente a funcionários e alunos que estão a pagar preços chocantes e a serem maltratados e gozados pelos funcionários desta empresa. Neste momento preparamos formas de luta e quem quiser aderir e envie email para se associar basta escrever para: Queremos Estacionar: queremosestacionar@gmail.com
Os funcionários desesperados da Cidade Universitária