24 dezembro, 2010

Jingle Bell rocks!

Sem qualquer ponta de dúvida: a noite da véspera de Natal é a minha preferida. E desde que me mudei para Lisboa há cerca de um ano que o regresso a casa para o Natal sabe ainda melhor. É uma sensação tão boa chegar finalmente a casa, estar rodeada pela família, enquanto se dá uma escapadela aqui e ali para mostrar aos amigos que hoje temos tempo, que ainda estamos 'vivos' e que, apesar de nos vermos pouco, nada muda. É tão bom estar na nossa terra, na nossa casa, junto dos nossos... Adoro o Natal. 
Se calhar não vou adorar sempre, porque as minhas pessoas não vão durar sempre e o Natal sem elas deixa de ser Natal. Mas, por enquanto, tenho a sorte de ter todos comigo, e quero dizer ao mundo que sei a sorte que tenho e que sei apreciar o momento. Gostava de pensar que todos têm um Natal tão bom quanto o meu.

1 comentário:

Marta Costa disse...

É isso mesmo Sara. Adoro a noite de véspera de Natal desde que me lembro... Esta ano faltou pela primeira vez uma pessoa importante e percebi que apesar de ter imensas saudades e de querer voltar a ver o seu sorriso, e de o ver desembrulhar os presentes todo entusiasmado com se ainda fosse uma criança, e de ficar tão ou mais entusiasmado de cada vez que um neto abria uma prenda... mesmo assim percebi que é Natal e que continuamos todos lá!

Beijinhos grandes pequena*